HomeCâmara Municipal de LimeiraAssociação Limeirense de autismo é declarada instituição de utilidade pública

Associação Limeirense de autismo é declarada instituição de utilidade pública

DATA

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Na sessão ordinária desta segunda-feira, 27 de novembro, foi aprovado por unanimidade o Projeto de Lei Nº 145/2023, do vereador Helder do Táxi (MDB), que declara de utilidade pública a Associação Limeirense de Autismo um Mundo Melhor (Alamm).

- Publicidade -

A Alamm surgiu da união de pais de crianças, jovens e adultos com Transtorno do Espectro do Autista (TEA). A associação atende crianças com TEA de 0 a 18 anos incompletos. De acordo com o autor, a associação busca apoiar-se mutuamente, proporcionando o desenvolvimento social, educacional e econômico dessas crianças.

Segundo o vereador, a Associação tem como missão criar programas de adaptação, integração social e inclusão de pessoas autistas com o olhar de sua existência integral, de forma a contribuir em seu florescimento humano e melhorar sua vida em comunidade.

Conforme justificativa à matéria, o parlamentar informou que atualmente são atendidos pela associação 35 crianças e adolescentes autistas. “As fontes de recursos que sustentam as atividades desenvolvidas pela Alamm vêm de eventos, patrocínios e apadrinhamentos. Contando com o trabalho de voluntários e familiares das crianças atendidas”, descreveu.   

Com a aprovação do projeto de lei, o Legislativo concederá à Associação Limeirense de Autismo um Mundo Melhor a oportunidade de captar recursos e parcerias para assim cumprir os objetivos propostos pela instituição.



Informações CML

MAIS RECENTES

MAIS NOTÍCIAS