HomeSP NotíciasFatec de SP implanta dois novos cursos superiores de tecnologia

Fatec de SP implanta dois novos cursos superiores de tecnologia

DATA

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Os interessados em prestar o vestibular das Faculdades de Tecnologia do Estado (Fatecs) do Centro Paula Souza (CPS) para o primeiro semestre de 2024 passaram a contar com mais três opções de graduação – totalizando 93 cursos superiores de tecnologia. Duas delas serão oferecidas pela Fatec São Paulo, localizada no bairro do Bom Retiro, na capital: Paisagismo e Jardinagem, com 40 vagas, à tarde; e Produção Cultural, com 40 vagas, no período da manhã.

- Publicidade -

“A ampliação do nosso catálogo de cursos é fundamental para atender às constantes atualizações dos diversos setores produtivos. Desta forma, mantemos a oferta de formação profissional e tecnológica de qualidade em sintonia com as demandas da sociedade”, comenta o coordenador da Unidade do Ensino Superior de Graduação (Cesu) do CPS, Rafael Ferreira Alves.

Paisagismo e Jardinagem

Formar profissionais que entendam o papel que as áreas verdes desempenham nas cidades. Este é o principal objetivo da nova graduação oferecida pela Fatec São Paulo, no eixo tecnológico de Ambiente e Saúde.

“A função do nosso futuro tecnólogo em Paisagismo e Jardinagem será planejar espaços sustentáveis e ecologicamente funcionais para fauna e flora”, projeta a coordenadora do curso, Fernanda Alves Cangerana Pereira. “A ênfase em sustentabilidade prevê que os espaços verdes planejados sejam coadjuvantes na solução de problemas ambientais urbanos.”

De acordo com a educadora, nas pesquisas feitas para a elaboração do curso foi identificada uma demanda reprimida por esta modalidade de tecnólogo. “Temos cartas de apoio de parques, subprefeituras, de um hospital centenário que restaurou sua fachada e não conseguiu encontrar profissionais para projetar um jardim, e até do Serviço Funerário do Município de São Paulo, o que nos surpreendeu muito.”

Com um mercado de trabalho promissor, o curso também vai dar ênfase ao empreendedorismo, para que os formados se engajem em iniciativas próprias, seja como prestadores de serviço ou até gerando empregos. “Eles estarão habilitados a atuar no setor público – em jardins, praças e parques –, assim como no privado, elaborando projetos para condomínios, shopping centers e residências.”

Também fizeram parte do grupo de estudos para a implantação do curso as professoras Maria de Lourdes Serôdio e Raquel Fabbri Ramos.

Produção Cultural

De acordo com informações da Organização das Nações Unidas (ONU), o mercado cultural gera uma renda anual de R$ 11,25 bilhões. Considerado um dos setores de maior expansão global, é responsável por cerca de 30 milhões de empregos em todo o mundo.

Atividades artísticas e culturais com potencial para gerar trabalho e riqueza por meio de aspectos criativos têm apresentado um crescimento contínuo desde a década de 1990. Projeções da Organização Internacional do Trabalho (OIT) indicam ainda um crescimento entre 10% e 20% para os próximos anos.

É nesse cenário promissor para a chamada economia criativa que nasce o novo curso de Produção Cultural. “A Fatec São Paulo está em um dos maiores centros de entretenimento do mundo, a Capital Paulista, e rodeada por um bairro, o Bom Retiro, repleto de equipamentos culturais”, comenta o integrante do grupo de estudos para a elaboração do curso, Douglas Dias. “É um ambiente que permite aos alunos o contato com diversas manifestações artísticas, desde as eruditas, como música clássica e balé, até outros movimentos e coletivos culturais.”

A proposta de implantação da nova graduação surgiu da percepção de que muitos egressos dos cursos de Eventos e Gestão de Turismo partiram para o mercado de Produção Cultural, seja como autônomos ou trabalhando em empresas e instituições. “Uma sondagem mostrou que vários alunos da Fatec estão dispostos a fazer uma segunda graduação em Produção Cultural.”

“Além disso, tivemos uma grande quantidade de cartas de apoio à implantação do curso, assinadas por instituições como Museu da Imagem e do Som, Fundação Osesp (da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo), Pinacoteca, Museu da Língua Portuguesa e de algumas empresas privadas”, afirma Dias.

“Nosso objetivo é formar um profissional que compreenda a matéria prima da cultura, que são os artistas e os acervos, para transformá-los em produtos culturais”, explica o educador. Ele ressalta que o curso superior de tecnologia em Produção Cultural é o único oferecido por instituição pública no Estado de São Paulo.

Mais novidade

O terceiro curso novo do vestibular para o primeiro semestre de 2024 é Ciência de Dados para Negócios, oferecido pela Fatec Votorantim, localizada na Região de Sorocaba. São 35 vagas no período da noite.

Inscrições

Para concorrer a uma das vagas do vestibular das Fatecs, é preciso ter concluído ou estar cursando o Ensino Médio ou equivalente, desde que no ato da matrícula comprove a conclusão do curso.

A inscrição deve ser feita exclusivamente pelo site vestibularfatec.com.br, até as 15h do dia 12 de dezembro. É necessário preencher a ficha de inscrição, o questionário socioeconômico e pagar a taxa de R$ 84 em dinheiro, em uma agência bancária de sua preferência, ou via internet, pelo aplicativo bancário ou ainda com cartão de crédito, por meio da ferramenta getnet disponível na internet. O pagamento deve ser feito até a data de encerramento das inscrições.

No momento da inscrição, o candidato deve escolher um curso em primeira opção e, caso seja do interesse, optar por um curso para segunda opção, em qualquer Fatec e período. Os cursos, as vagas, os períodos e as unidades participantes estão disponíveis no site do processo seletivo.

As Fatecs disponibilizam computador e acesso à internet a quem quiser fazer a inscrição no Vestibular. Cabe ao interessado entrar em contato com a unidade para saber datas e horários de atendimento.

Siga o canal “Governo de São Paulo” no WhatsApp:
https://bit.ly/govspnozap



Informações GOV SP

MAIS RECENTES

MAIS NOTÍCIAS

Vereador Ralf Silva conquista mais recursos para a saúde de Iracemápolis.

O vereador Ralf Silva comunicou nesta última semana mais uma conquista para a saúde...